Estrelas ou Reviews?

Numa época onde a grande maioria da população vai de férias, vale a pena pensar naquilo que nos faz escolher um determinado local em vez de outro. Se pensarmos em Hoteis qual dos dois valorizamos mais? As estrelas ou os reviews que encontramos na internet?

Se quisermos um fácil paralelo, preferimos o GPS do carro que se limita a dar a indicação do caminho ou um sistema integrado de colaboração individual como Waze ou Google Maps para o qual os utilizadores contribuem com muitos mais dados relevantes para a nossa viagem? E não me refiro exclusivamente a policia e radares!

Quando falo de “estrelas” refiro-me a hotéis, porém, se pensarmos em turismo de habitação, alojamento local, Airbnb, ou outro qualquer meio, em quem confiamos mais? Na entidade que apresenta um belo site com imagens, por norma, de deixar água na boca, e descrições dignas de romance ou naquilo que os Clientes que por lá vão passando escrevem e a forma como classificam o local onde programo investir o meu dinheiro e tempo para passar uns belos dias?

Dificilmente encontro a resposta “Se for 5* ou , se for 4* é garantido!” Não, sabemos que não é!

Dentro de um determinado conjunto de hotéis da categoria A ou B, sabemos que existe uma classificação “paralela” feita com conhecimento de causa. Tudo isto é também aplicado a restaurantes, como sabemos.

Por isso mesmo, o artigo de hoje passa por uma constatação de facto mas também um convite aos proprietários e aos Clientes.

Quanto aos Clientes deixo o convite à partilha. O individualismo colaborativo é uma realidade e uma corrente de estudo que surgiu antes da pandemia e que se tornou muito mais evidente após este período que todos vivemos. O livro What’s Mine Is Yours: The Rise of Collaborative Consumption de Rachel Botsman e Roo Rogers ilustra de forma genial esta realidade. Sobre este convite de notar que é importante partilhar o menos bom mas é igualmente importante partilhar as boas ou excepcionais experiências.

Quanto aos accionistas ou donos dos negócios fica o convite de incentivar os Clientes a partilhar e ficar atento, muito atento a tudo o que vai surgindo no “radar” a propósito do seu negócio, tenha ele 1, 2, 3 ou 5 estrelas ou mesmo sem elas.

Os Clientes são anúncios com pernas… e falam, bem ou mal!

 Votos de boas férias, se for o caso, com muitas partilhas e Excelente serviço!

GOSTOU? PARTILHE

Deixe uma resposta

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado.